MÉRTOLA

MÉRTOLA

Pin It

MÉRTOLA

VILA MUSEU

Já com o Algarve á vista e a espreitar para Espanha, situado no extremo sudeste do distrito de Beja encontramos o Municio de Mértola, cuja sede de Concelho dista aproximadamente 50 km da capital de distrito.   Apesar do território algo agreste,  Mértola tem no Rio Guadiana a sua principal "fonte de vida" usada à muitos seculos como via de comunicação e de sustento dos povos que foram habitando a vila e territórios circundantes.

O concelho de Mértola tem uma extensão de 1.292,9 Km2 com o território a ser ocupado por sete freguesias que são Alcaria Ruiva, Corte do Pinto, Espírito Santo; Mértola, Santana de Cambas, São João dos Caldeireiros e a União de freguesias formada por São Miguel do Pinheiro, São Pedro de Solis e São Sebastião dos Carros.

A HISTÓRIA

Desde que os primeiros humanos pisaram o território que hoje é o ocupado pelo Concelho de Mértola que o Guadiana exerceu uma influência determinante na localização dos povoados, na cultura local e sobretudo na economia, pois o rio desde sempre que foi uma importante porta de entrada na península e parte integrante de rotas comerciais de povos tão antigos como os Iberos, Fenícios, Gregos e Cartagineses.
A chegada dos Romanos ao território no século II a.C. significou um conjunto de melhorias e modificações nos modos de vida e organização das populações locais. A partir de então este lugar passou a chamar-se a Iulia Myrtilis ou Myrtilis Iulia, consolidada a sua posição como importante entreposto comercial nas rotas maritimas que ligavam a península a outras cidades e a Roma, capital do império.    A chegada dos Romanos trouxe também consigo o Cristianianismo e a construção de templos em devoção a Cristo dos quais é testemunho a Basílica Paleocristã do Rossio do Carmo.
Á semelhança do que aconteceu pela restante península, o declínio do império Romano deu a oportunidade aos Visigodos de ganharem força e tomarem o controlo do território, dos quais ainda é possível encontrar diversos vestígios pelo concelho.
Em 711 depois de Cristo, os Árabes liderados por Tarik conquistam Mértola, que uma vez mais via a sua importância reconhecida  como o porto mais ocidental do Mediterrâneo consolidada o sua posição comercial.  Martulah, como era designada pelos Árabes, chega a ser durante um curto período no século XI, capital de um pequeno emirado islâmico independente, a taifa de Mértola.
Em 1238 D. Sancho II dá por terminada a ocupação Árabe, reconquistando para os Cristãos a povoação de Mértola e territórios circundantes. Doada á Ordem dos Cavaleiros de Santiago, viu cair em declínio a sua importância comercial até que nos  XVI e XVII recuperou parte do seu estatuto fruto do aumento da exportação de cereais para colonias Portuguesas no Norte de Africa.   Entretanto em 1512, D. Manuel I concede Foral a Mértola reconhecendo a sua importância para o reino.
Durante os últimos anos do seculo XIX, a descoberta de minério na serra de São Domingo fez renascer Mértola. Na aldeia de S. Domingos ergueu-se um complexo mineiro que chegou a ter o seu próprio caminho de ferro para a exportação do minério, mas até isso viria a terminar com o esgotamento das jazidas, e uma vez mais Mértola perdeu importância, refletindo-se no numero de habitantes reduzido e mais de 50% 

Mértola conserva ainda muitos traços e vestígios do seu passado, que viram luz do dia ao longo de inúmeras campanhas arqueológica que revelaram elementos da cidade Romana, da Cidade Islâmica e de outros períodos de ocupação.  A própria vila conserva muitos elementos das culturas antigas que poderão ser reveladas por um olhar um pouco mais atento

MÉRTOLA

Um verão para recordar

VISITAR MÉRTOLA

Contactos ao seu dispor para planear a sua viagem

CÂMARA MUNICIPAL
Praça Luís de Camões
7750-329 Mértola

Telef: 286 610 100

E-mail: geral@cm-mertola.pt

NA INTERNET
Sitecm-mertola.pt/
Facebookfacebook.com/municipio.mertola

CÂMARA MUNICIPAL
Praça Luís de Camões
7750-329 Mértola

Telef: 286 610 100

E-mail: geral@cm-mertola.pt

NA INTERNET
Sitecm-mertola.pt/
Facebookfacebook.com/municipio.mertola

POSTO DE TURISMO

Posto de Informação Turística
Rua da Igreja
7750-338 Mértola

Telef: 286 610 109

E-mail: turismo@cm-mertola.pt

NA INTERNET:

Sitehttps://visitmertola.pt/

POSTO DE TURISMO

Posto de Informação Turística
Rua da Igreja
7750-338 Mértola

Telef: 286 610 109

E-mail: turismo@cm-mertola.pt

NA INTERNET:

Sitehttps://visitmertola.pt/

APROVEITE A SUA VISITA

Eis o que vos espera em Mértola

O QUE COMPRAR

Mantas Alentejanas

 

A sua empresa ou negócio não consta desta lista? E gostaria que constasse?  

Contacte-nos.  Adicionar a sua empresa e/ou publicar a sua página é GRATUITO e sem obrigações

LOCALIZAÇÃO

Descubra onde fica Mértola

ACESSOS RECOMENDADOS

  • IP2 e EN 122 – Beja – Vila Real de Santo António que liga à A22 de acesso a Espanha e toda a região do Algarve.
  • EN 123 – Mértola -Castro Verde que dá acesso à A2 que liga Lisboa ao Algarve.
  • EN265 – Mértola –Serpa.
  • EN267 – Mértola – Almodôvar que dá acesso à A2 que liga a Lisboa e ao Algarve
  • Rio Guadiana – Navegável da Foz até à vila de Mértola (cerca de 69km) com condicionante de maré.
  • Ligação rodoviária a Espanha, através da Ponte Transfronteiriça sobre o Rio Chança – ligação Pomarão – El Granado.

GALERIA DE IMAGENS

Veja um pouco de Castro Verde

REDES SOCIAIS

Siga, goste e partilhe o que se passa em Castro Verde
© 2023 Guia Rural. Designed By Helder Custodio

Guia Rural é uma marca registada

 

 

logo guia rural 750 wide